Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Ler Anne Frank no Chiado

70 anos depois, porque é que continuamos a ler o Diário de Anne Frank? O que lemos nesse testemunho imenso, doloroso, histórico escrito por uma menina adolescente?

A primeira edição é de há 70 anos, a primeira entrada no diário é de 1942. A reflexão que vamos fazer no Ler no Chiado é suscitada também pela edição de uma BD, assinada por Ari Folman e David Polonsky, autores de A Valsa com Bashir.

Para pensar connosco, o jurista e historiador António Araújo e o ilustrador António Jorge Gonçalves.

Dia 9 de Novembro, às 18.30, na Bertrand do Chiado.

Em destaque

Entradas recentes