Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Anabela Mota Ribeiro

Somos Douro: o meu diário

16.08.19
Dia 1 Com Tatiana Salem Levy a espreitar, Rita Ferro Rodrigues e euzinha orgulhosas da nossa Priscilla, rainha do Douro. A sair. Que emoção! Camané na abertura do Somos Douro, em Lamego (teatro lindo), com a participação de alunos do Conservatório de Música de Vila (...)

Seis anos de blog!

14.05.19
Seis anos, seis anos!  No dia 14 de Maio de 2013 abri o blog com o propósito de disponibilizar o meu arquivo, tê-lo online, de acesso integral e gratuito. Era também uma forma de organizar o meu trabalho, disperso por vários suportes e publicações, ver como tinha (...)

"A Flor Amarela" na Academia Brasileira de Letras

23.04.19
Recebi correio de Antônio Torres, acadêmico que senta na cadeira 23, a de Machado de Assis: "Seu belo livro sobre o Brás Cubas será apresentado na sessão plenária da Academia Brasileira de Letras na próxima quinta-feira [29 Nov]. E por um machadiano de longa data, (...)

Somos Douro: um balanço

14.12.18
Desde há semanas que penso no Somos Douro. Junho parece longínquo e, no entanto, foi ontem. Folheio o álbum de quase três semanas no Alto Douro Vinhateiro, na fotografia a nossa expressão é a de pessoas felizes. Passou meio ano. Entretanto a filha da Tatiana Salem (...)

Festival Somos Douro | 1 a 17 Junho | 19 municípios

05.12.18
Somos Douro é um festival de carácter multi-disciplinar, especialmente dirigido aos jovens da região duriense, que acontecerá entre 1 e 17 de Junho, nos 19 municípios que fazem parte da CIM Douro. É uma iniciativa promovida pela CCDR-N, pelos 16 anos da (...)

Ler no Chiado Pedro Mexia

01.12.18
A última sessão do ano do Ler no Chiado será dedicada a Pedro Mexia. Nos seus poemas e crónicas encontramos Camões, Paolo e Francesca da Divina Comédia, Sandokan, Morrissey, vestígios de uma educação católica, Taxi Driver e outros filmes, retrato dos tios na (...)

Ler Ferrante no Cinema Ideal, no Chiado

16.11.18
Como explicar o êxito mundial de Elena Ferrante, o seu magnetismo? O escritor Jonathan Franzen fala de personagens que estão em guerra com o seu próprio eu, capazes de ir ao seu âmago. E quem é a amiga genial, Lila ou Lenù? A Febre Ferrante incendiou-nos a todos, e (...)