Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Anabela Mota Ribeiro

Jorge Silva Melo

27.03.19
“E os dias que não estive junto deles, a decifrar-lhes a letra miudinha, como os recuperar? Porque gostava de ser lembrado como alguém que, como os gatos, se passeou, um «flâneur». E gostava de escrever com a independência do Garret das «Viagens», também (...)

Glicínia Quartin

27.03.19
A pergunta é recorrente: quantas vidas cabem numa vida? Glicínia, a menina da Vila Sousa que se enfeitiçava com as figuras de Malhoa. Glicínia, a intelectual que se cruza com Almada Negreiros, Abel Manta, Jorge de Sena, Cesariny nos cafés de Lisboa. «Havia várias (...)

Beatriz Batarda e Luís Miguel Cintra

27.03.18
“Qual é a qualidade que mais aprecio num actor? A generosidade. Consiste no gosto de se expor, correr riscos, estar aberto a outras pessoas. É precisar deixar que lhe aconteçam coisas. Quando partimos para a profissão com a intenção de ser admirados, não estamos (...)

Maria de Jesus Barroso

07.01.17
Maria de Jesus. As fotografias mostram-na a representar a jovem «Benilde», a dizer poesia revolucionária, a discursar num comício nos anos quentes de um país. Mostram-na envolvida pelos filhos João e Isabel, abraçada a Mário na Foz do Arelho, em 56, quando eram (...)

Isabel de Castro

27.03.16
Quando pela primeira vez gostou de se olhar, e se reencontrou no que via, tinha mais de trinta anos. O que o espelho lhe devolvia era a vida, sulcada na cara. Uma vida vivida em bolandas, entre Portugal e Espanha, palcos e êxitos desiguais, cinco filhos e um pai e uma mãe (...)

Rita Blanco

14.05.15
Rita Blanco, a propósito de Alice, a filha: «Não estou disposta a que ela fique demasiado lesada por isto. Não posso pô-la numa pessoa qualquer. A única hipótese era ela ficar com uma pessoa suficientemente próxima para que as minhas ausências pudessem ser (...)

Jorge Silva Melo ("Esta Noite Improvisa-se")

29.09.14
“Esta Noite Improvisa-se” é uma exortação à liberdade. Por vezes interrompida pela contingência. Um carrossel frenético que fenece a duas voltas do fim. O debate de uma questão central na obra do autor italiano: o que é que é da arte, o que é que é da vida?